Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Dirigente’ Category

Segundo a Rádio Nova Lima FM, o Villa Nova fará neste domingo (10/01) o seu primeiro amistoso preparatório para o Campeonato Mineiro, contra o time do Contagem, no estádio Castor Cifuentes.

No dia 17/01 foi confirmado outro amistoso, agora contra o Cruzeiro de BH, na Toca da Raposa II às 9h30, com portões fechados. Já o primeiro jogo do Villa no Campeonato Mineiro será no dia 24/01, no Alçapão do Bonfim contra o América de Teófilo Otoni.

Hoje o time fez um treinamento no Campo do Olaria e teve a presença de várias autoridades, como o prefeito Carlinhos Rodrigues, ex-jogadores, empresários e do agora auxiliar técnico Dirceu Bilisquete, que atuará juntamente com o experiente Pirulito.

Amanhã a equipe fará seu treinamento no campo do Cruzeiro de Honório Bicalho, às 15h.

Anúncios

Read Full Post »

Desde o dia 11 que o Villa Nova mudou o formato de sua administração, continuando no regime presidencialista com Adão Gomes no cargo, mas agora dividindo responsabilidades com um grupo de conselheiros, encabeçado pelo presidente do conselho Carlinhos Rodrigues, contanto ainda com o eterno presidente Jairo Gomes. com o ex-vice Mário Borges, o vereador Zuca, o administrador Sérgio da Veiga e o empresário Lucinho do depósito.

Considero a mudança positiva pelo fato de que agora teremos mais gente envolvida no processo e automaticamente poderemos cobrar atitudes com maior rigor, já que entre os novos dirigentes teremos o prefeito da cidade e um ex-presidente que tem a maior aceitação da torcida entre os que já presidiram o clube, além dos outros componentes que também serão obrigados a zelar pela entidade e pelos seus próprios nomes. Com a mudança, a figura dos vice-presidentes foi extinta, o que não muda nada, já que os mesmos nunca tiveram autonomia nem voz ativa em suas funções, jamais foram ouvidos e faziam um papel decorativo junto a opinião pública. Faço essa afirmação por pelo fato de ter passado por essa experiência recentemente.

A primeira medida dos novos gestores foi a confirmação de Pirulito como treinador do time profissional para o campeonato mineiro, uma solução caseira que se não agrada a todos, pelo menos nunca levou o time ao caos como outros técnicos protegidos dos empresários “amigos da turma”. O que os novos gestores não podem, é aceitar a interferência de alguns na tentativa introduzir no cargo de diretor de futebol, elementos manjados pela torcida que quase levaram o time a segunda divisão, além de deixarem a entidade centenária praticamente falida e endividada.

A esperança dos villanovenses é a de que as coisas se resolvam e que este seja de fato um Conselho Gestor, sem política e sem armações, para não se tornar um Gespone “Gestores de porcaria nenhuma”.

Saudações alvirrubras, o abraço da semana vai para a ilustre villanovense D. Edna Jardim, e até a próxima se Deus quiser.

Read Full Post »

Parece que o Villa tem doce, que é de mel, e quando os interesseiros falam que é uma tarefa difícil dirigir o clube, estão sendo mentirosos e incoerentes, pois, todos eles sempre querem voltar ao comando da entidade centenária.

O Villa Nova é uma moeda de troca para políticos e seus comparsas, sempre usado para abrigar amigos, para pagar favores ou até  mesmo para barganhar uma vantagem lá  na frente, como por exemplo servir de trampolim para possíveis candidaturas a cargos públicos. É também um ótima oportunidade para aqueles que sonham alto, usando a experiência adquirida por aqui para tentarem depois a sorte em clubes de maior porte ou se tornarem empresários de jogadores e treinadores.

Incrível como eles tentam manipular a opinião pública apontando sempre as dificuldades ao mesmo tempo que se vangloriam por atitudes positivas, esquecendo que isso é obrigação para quem esteve no cargo e que deveria ser a tônica de um bom dirigente, ou pelo menos de dirigentes que tivessem um real compromisso com o clube alvirrubro. Alguns deles chegam a pensar que são Deuses , enquanto outros tem a certeza que são. O mais agravante é que deixam o clube em situação difícil e depois ficam negociando uma possível volta, achando que a torcida é burra, que já terá esquecido as lambanças que fizeram no passado.

É bom que os villanovenses se preparem para ter que engolir de novo dirigentes arrogantes e com passado derrotista, porque estão armando nos bastidores o retorno de quem saiu sem deixar saudades, na verdade será a volta de quem na verdade nunca foi.

Saudações alvirrubras, um abraço para o amigo villanovense Henrique Lobão, e até a próxima se Deus quiser.

Read Full Post »